Campo Bom tem semana para debater inclusão e valorização da pessoa com deficiência

DSC09970

É entre os dias 27 de novembro e 3 de dezembro; no dia 6, grupo de PCDs do Cras Centro faz apresentação no Teatro do Cei

Desde que a Lei Municipal nº 4.817 foi assinada pelo prefeito Luciano Orsi, em 2018, Campo Bom tem uma semana destinada ao debate da inclusão e ampliação da cidadania da pessoa com deficiência. É a Semana Municipal da Acessibilidade e Valorização da Pessoa
com Síndrome; com Transtorno; e/ou com Deficiência, sempre entre os dias 27 de novembro e 3 de dezembro.

Em 2022, o grande momento do período de conscientização ocorre no dia 6 de dezembro, no Teatro do Cei. O grupo de PCDs do Cras Centro, os Amigos do Coração, apresenta o musical “Os Saltimbancos - A cidade ideal” para os campo-bonenses. O evento tem início às 19h30 e a entrada é gratuita.

Pela lei, cada dia tem um significado

27/11 - Dia da pessoa com deficiência física e da pessoa com deficiência intelectual;
28/11 - Dia da pessoa com deficiência auditiva e da pessoa com deficiência visual;
29/11 - Dia da pessoa com deficiências múltiplas e da pessoa com surdocegueira;
30/11 - Dia da pessoa com síndromes (Síndrome de Down; Síndrome de Parker e outras);
01/12 - Dia da pessoa com transtornos (Transtorno do Espectro Autista ou Autismo – TEA; Transtorno Global do Desenvolvimento – TGD e outros);
02/12 - Dia da acessibilidade patrimonial e atitudinal;
03/12 - Dia da saúde inclusiva e da educação inclusiva.

Para o prefeito Luciano Orsi, o propósito é, através dos debates e atividades, seguir transformando Campo Bom em uma cidade para todos, criando e aprimorando políticas públicas. Por meio de ações informativas e de conscientização, o objetivo é ajudar as pessoas com deficiência a superarem as barreiras que lhes são impostas diariamente, destaca o secretário municipal de Desenvolvimento Social e Habitação, Gabriel Colissi.

DSC00059

Foto: Emerson Santos/PMCB


Imprimir